Avril Lavigne

Avril Lavigne: últimos vídeos musicais

I Fell In Love With The Devil

Videoclip

Tell Me It's Over

Videoclip

Head Above Water

Videoclip

We Are Warriors

Videoclip

Naked

Videoclip

Things I'll Never Say

Videoclip

He Wasn't

Videoclip

Girlfriend

Videoclip

Avril Lavigne: últimos vídeos

"What The Hell" video shoot BTS

Vídeo

EMA 2007 | Munich | Past Performance | Avril Lavigne | Hot

Vídeo

My Happy Ending

Vídeo

Avril Lavigne: Sobre

Avril Ramona Lavigne nasceu em Belleville, Ontário, no Canadá, em 1984, e passou grande parte da sua adolescência na pequena cidade de Napanee. É filha de pais católicos e começou a cantar na igreja, quando ainda era criança.

Aos quinze anos mudou-se para Nova Iorque, para investir numa carreira no mundo da música. Foi precisamente na “Big Apple” que a cantora gravou uma demo, que chamou a atenção de Antonio "L.A." Reid, que logo assinou contrato com ela e deu início às gravações do primeiro álbum de Avril.

Em 2002, Avril Lavigne editou o multi-platinado álbum de estreia "Let Go". Com apenas 17 anos a canadiana conquistou o mundo com o seu look punk meio “maria rapaz”, a sua voz, melodias e letras diretas e tornou-se uma celebridade. "Let Go" acabou por ultrapassar a marca dos 18 milhões de unidades vendidas. Singles como ‘Complicated’ – que lhe rendeu o MTV VMA de “Artista Revelação” em 2002- , ‘Sk8ter Boi’, 'I’m With You’ e ‘Losing Grip’ ditaram o êxito do álbum.

O segundo trabalho de Avril, "Under My Skin", chegou às lojas em 2004 e alcançou a liderança dos tops em diversos países. O multi-platinado registo – com colaborações de Butch Walker, Raine Maid, Don Gilmore e Ben Moody (Evanescence) - apresentava uma cantora mais madura e consciente. O single ‘Don't Tell Me’ alcançou rapidamente o topo das tabelas de vendas em todo o mundo. ‘My Happy Ending’, ‘Nobody’s Home’ e ‘He Wasn’t’ foram outros singles do registo. No ano de lançamento do segundo trabalho, a cantora ganhou o primeiro MTV EMA da sua carreira, na categoria de “Melhor Artista a Solo”.

Em 2006 a cantora escreveu o tema ‘Keep Holding On’ para a banda-sonora do filme “Eragon”.

Um ano depois a canadiana lançou o terceiro álbum, o platinado "The Best Damn Thing", que contou com as participações de Dr. Luke, Deryck Whibley, Rob Cavallo, Butch Walker. O registo revelou-se bastante diferente dos antecessores, apresentando músicas mais pop, com temáticas alegres, audíveis em singles como ‘Girlfriend’ – premiada com o MTV EMA de “Música Mais Viciante’ em 2007 -, ‘When You're Gone’, ‘Hot’ e ‘The Best Damn Thing’.

A par da sua carreira musical Avril Lavigne também desenvolveu vários negócios como empresária, usando o seu nome para lançar linhas de roupa e perfumes. Além disso participou, como atriz, nos filmes “Over the Hedge” e “Fast Food Nation” e dedicou-se à filantropia, colaborando em diversas iniciativas e fundando a The Avril Lavigne Foundation, que trabalha em parceria com diversas organizações de solidariedade.

As músicas de Lavigne foram utilizadas em bandas-sonoras de filmes como “Sweet Home Alabama”, “Bruce Almighty”, “Legally Blonde 2”, “The Princess Diaries 2” ou “The House Bunny”. Em 2010 a canadiana escreveu o tema ‘Alice’ para “Alice in Wonderland”, de Tim Burton.

O quarto álbum de Avril Lavigne, “Goodbye Lullaby”, foi editado em 2011 e contou com colaborações de Evan Taubenfeld, Butch Walker, Max Martin r Deryck Whible. O registo, que a cantora preparou durante vários anos, deu a conhecer composições mais profundas, aliadas às melodias fortes às quais Avril habituou os fãs. Os singles ‘What The Hell’ e ‘Smile’ fizeram a ponte perfeita com o trabalho mais antigo da cantora. 'Wish You Were Here' foi outro single do registo.

Em abril de 2013 a voz de ‘Complicated’ anunciou o lançamento do single ‘Here’s To Never Growing Up’, em antecipação ao seu quinto álbum de originais. O registo conta com a colaboração de Chad Kroeger (Nickelback) - o noivo da cantora -, bem como de Dave Hodges, Martin Johnson, J.Kash e Serban Ghenea e marca o reencontro de Avril com o mentor L.A. Reid, com quem não trabalhava desde “Let Go” e que a levou a assinar contrato com a Epic Records em 2011.

Avril Lavigne já vendeu mais de 30 milhões de álbuns e 20 milhões de músicas em todo o mundo e conquistou 8 Juno Awards, 5 Los Premios MTV Latinoamérica, 4 MTV Asia Awards, 3 MTV VMA Japan, 2 MTV EMA e 1 MTV VMA, entre outros, e foi nomeada para 8 prémios Grammy e diversos outros troféus.



Samuel Cruz