Avril Lavigne

Avril Lavigne: últimos vídeos musicais

Tell Me It's Over

Videoclip

I Fell In Love With The Devil

Videoclip

Head Above Water

Videoclip

Naked

Videoclip

Things I'll Never Say

Videoclip

He Wasn't

Videoclip

Girlfriend

Videoclip

Complicated

Videoclip

Avril Lavigne: últimos vídeos

"What The Hell" video shoot BTS

Vídeo

EMA 2007 | Munich | Past Performance | Avril Lavigne | Hot

Vídeo

My Happy Ending

Vídeo

Avril Lavigne: Sobre

Avril Ramona Lavigne nasceu em Belleville, Ontário, no Canadá, em 1984, e passou grande parte da sua adolescência na pequena cidade de Napanee. É filha de pais católicos e começou a cantar na igreja, quando ainda era criança.

Aos quinze anos mudou-se para Nova Iorque, para investir numa carreira no mundo da música. Foi precisamente na “Big Apple” que a cantora gravou uma demo, que chamou a atenção de Antonio "L.A." Reid, que logo assinou contrato com ela e deu início às gravações do primeiro álbum de Avril.

Em 2002, Avril Lavigne editou o multi-platinado álbum de estreia "Let Go". Com apenas 17 anos a canadiana conquistou o mundo com o seu look punk meio “maria rapaz”, a sua voz, melodias e letras diretas e tornou-se uma celebridade. "Let Go" acabou por ultrapassar a marca dos 18 milhões de unidades vendidas. Singles como ‘Complicated’ – que lhe rendeu o MTV VMA de “Artista Revelação” em 2002- , ‘Sk8ter Boi’, 'I’m With You’ e ‘Losing Grip’ ditaram o êxito do álbum.

O segundo trabalho de Avril, "Under My Skin", chegou às lojas em 2004 e alcançou a liderança dos tops em diversos países. O multi-platinado registo – com colaborações de Butch Walker, Raine Maid, Don Gilmore e Ben Moody (Evanescence) - apresentava uma cantora mais madura e consciente. O single ‘Don't Tell Me’ alcançou rapidamente o topo das tabelas de vendas em todo o mundo. ‘My Happy Ending’, ‘Nobody’s Home’ e ‘He Wasn’t’ foram outros singles do registo. No ano de lançamento do segundo trabalho, a cantora ganhou o primeiro MTV EMA da sua carreira, na categoria de “Melhor Artista a Solo”.

Em 2006 a cantora escreveu o tema ‘Keep Holding On’ para a banda-sonora do filme “Eragon”.

Um ano depois a canadiana lançou o terceiro álbum, o platinado "The Best Damn Thing", que contou com as participações de Dr. Luke, Deryck Whibley, Rob Cavallo, Butch Walker. O registo revelou-se bastante diferente dos antecessores, apresentando músicas mais pop, com temáticas alegres, audíveis em singles como ‘Girlfriend’ – premiada com o MTV EMA de “Música Mais Viciante’ em 2007 -, ‘When You're Gone’, ‘Hot’ e ‘The Best Damn Thing’.

A par da sua carreira musical Avril Lavigne também desenvolveu vários negócios como empresária, usando o seu nome para lançar linhas de roupa e perfumes. Além disso participou, como atriz, nos filmes “Over the Hedge” e “Fast Food Nation” e dedicou-se à filantropia, colaborando em diversas iniciativas e fundando a The Avril Lavigne Foundation, que trabalha em parceria com diversas organizações de solidariedade.

As músicas de Lavigne foram utilizadas em bandas-sonoras de filmes como “Sweet Home Alabama”, “Bruce Almighty”, “Legally Blonde 2”, “The Princess Diaries 2” ou “The House Bunny”. Em 2010 a canadiana escreveu o tema ‘Alice’ para “Alice in Wonderland”, de Tim Burton.

O quarto álbum de Avril Lavigne, “Goodbye Lullaby”, foi editado em 2011 e contou com colaborações de Evan Taubenfeld, Butch Walker, Max Martin r Deryck Whible. O registo, que a cantora preparou durante vários anos, deu a conhecer composições mais profundas, aliadas às melodias fortes às quais Avril habituou os fãs. Os singles ‘What The Hell’ e ‘Smile’ fizeram a ponte perfeita com o trabalho mais antigo da cantora. 'Wish You Were Here' foi outro single do registo.

Em abril de 2013 a voz de ‘Complicated’ anunciou o lançamento do single ‘Here’s To Never Growing Up’, em antecipação ao seu quinto álbum de originais. O registo conta com a colaboração de Chad Kroeger (Nickelback) - o noivo da cantora -, bem como de Dave Hodges, Martin Johnson, J.Kash e Serban Ghenea e marca o reencontro de Avril com o mentor L.A. Reid, com quem não trabalhava desde “Let Go” e que a levou a assinar contrato com a Epic Records em 2011.

Avril Lavigne já vendeu mais de 30 milhões de álbuns e 20 milhões de músicas em todo o mundo e conquistou 8 Juno Awards, 5 Los Premios MTV Latinoamérica, 4 MTV Asia Awards, 3 MTV VMA Japan, 2 MTV EMA e 1 MTV VMA, entre outros, e foi nomeada para 8 prémios Grammy e diversos outros troféus.



Samuel Cruz