Nelly Furtado

Nelly Furtado: últimos vídeos musicais

Loose

Videoclip

Try

Videoclip

Forca

Videoclip

No Hay Igual

Videoclip

All Good Things (Come To An End)

Videoclip

All Good Things (Come To An End)

Videoclip

Do It

Videoclip

Maneater

Videoclip

Nelly Furtado: últimos vídeos

Nelly Furtado

Vídeo

EMA 2007 | Winners | Album of the Year | Nelly Furtado

Vídeo

Nelly Furtado & Timbaland

Vídeo

Spirit Indestructible - Live at Il-Fosos Square Malta, Spain

Vídeo

Nelly Furtado: Sobre

A sua música abrange tantos estilos que se torna complicado classificá-la.

Nelly Furtado nasceu a 2 de Dezembro de 1978 em Victoria, na British Columbia (Canadá). A sua família é proveniente do arquipélago português dos Açores.

Na adolescência, aprendeu a tocar cavaquinho, trombone e guitarra, enquanto adotava uma série de géneros musicais, desde o R&B urbano ao hip hop, passando pela música latina e a world music.

Em finais dos anos 90 mudou-se para Toronto para trabalhar. Nessa altura fundou o duo hip hop Nelstar e também a atuava a solo.

Quando gravou uma demo com dois fãs - Gerald Eaton e Brian West, dos canadianos Philosopher Kings – conseguiu finalmente um contrato com uma grande editora discográfica, a DreamWorks Records.

Após alguns concertos na famosa digressão Lilith Fair, em 1999, Nelly Furtado editou o seu primeiro álbum. “Whoa, Nelly!” chegou aos escaparates em outubro de 2000. O álbum rapidamente se tornou um êxito de vendas mundial, por conta da sonoridade urbana contemporânea e a fusão irresistível de folk, trip hop, bossa nova, reggae e pop audível nos singles ‘I`m Like a Bird’, ‘Turn Of The Light’ e ‘...On the Radio (Remember the Days)’. O registo incluiu ainda a música em português ‘Onde Estás’ e rendeu-lhe o seu primeiro prémio Grammy.

No final de 2003 lançava o segundo álbum, “Folklore”. O registo inspirado nas raízes portuguesas misturava pop com elementos folk, sonoridades indígenas canadianas e hip hop e deu a conhecer os singles ‘Powerless (Say What You Want)’, ‘Try’ e ‘Explode’. O alinhamento incluiu ainda o êxito ‘Força’ - o Hino Oficial do Campeonato Europeu de Futebol de 2004, escrito em português e inglês –, e a colaboração com o brasileiro Caetano Veloso, que compôs e interpretou a faixa ‘Island of Wonder’ com Nelly. Mike Einziger (guitarrista dos Incubus), Joey Waronker (baterista dos R.E.M.) e Beck também colaboraram no álbum.

2006 foi o ano da consagração absoluta de Nelly Furtado, graças à edição do seu terceiro trabalho. “Loose” contou com a produção sábia e certeira de Timbaland, participações de Tim Mosley ou Nate Hills e claras influências hip hop e R&B, apresentando uma Nelly com uma imagem mais sensual do que nunca. Os dois primeiros singles, ‘Promiscuous’ e ‘Maneater’, tornam-se rapidamente em mega sucessos planetários. ‘Say It Right’ e ‘All Good Things (Come To An End) seguiram o mesmo percurso, tornando-se êxitos tanto na Europa, como nos EUA, Canadá, América Latina e Ásia. O registo incluiu ainda outros temas que fizeram furor nas tabelas de vendas, como ‘Te Busqué’ (o dueto com Juanes), ‘No Hay Igual’, ‘Do It’ (dueto com Missy Elliott) ou ‘In God's Hands’.

Em setembro de 2009 é editado “Mi Plan”, o quarto álbum de estúdio e o primeiro interpretado em Castelhano. O álbum foi bem recebido pela crítica e deu a conhecer os singles ‘Manos Al Aire’, ‘Más’, ‘Bajo Otra Luz’ (com a participação de Julieta Venegas & La Mala Rodríguez) e ‘Fuerte’ (dueto com Concha Buika). ‘Silencio’, com a colaboração de Josh Groban, é outra das faixas do alinhamento. O álbum deu o mote para nova digressão mundial, que passou duas vezes por Portugal.

Em junho de 2012 a luso-canadiana regressa às edições com “The Spirit Indestructible”. O registo é antecipado pelo single ‘Big Hoops (Bigger the Better)’, cuja produção tem assinatura de Rodney Jerkins, mais conhecido como Darkchild.