Tiga

Tiga: últimos vídeos musicais

Hot in Herre

Videoclip

Bugatti

Videoclip

Hot In Herre

Videoclip

(Far From) Home

Videoclip

Bugatti

Videoclip

Far From Home

Videoclip

Hot In Herre

Videoclip

You Gonna Want Me

Videoclip

Tiga: Sobre

Ainda criança Tiga Sontag viaja por todo o mundo na companhia dos pais. O primeiro contato com a cultura da música de dança surge graças ao pai, que foi DJ, entre 1973 e o final dos anos 80.

No início dos anos 90 viaja para a Europa e fica fascinado com a cena dos clubes. Ao regressar ao Canadá começa a organizar pequenas festas com a ajuda de um grupo de amigos, introduzindo DJs convidados, panfletos coloridos e sets com múltiplos DJs. Todos estes eventos culminaram naquela que é considerada a primeira rave de Montreal, o Solstice, de 1993.

Por esta altura tornou-se residente em clubes e iniciou um programa de rádio que fez durante seis anos, até 1997. Além disso colaborou com promotores locais como assessor criativo e participando em eventos.

Tiga cedo revelou o talento para as artes gráficas, participando na elaboração de todo o material gráfico das suas festas. Também criou a sua própria linha de roupa, em colaboração com a namorada Tiala Brown e o amigo Andrew Raciman.

Em 1994, comprou a loja de discos DNA Records e tornou-a numa “boutique de música electrónica” com um glamour nunca antes visto.

Em 1996 a comunidade da música de dança viu o nascimento do club Sona, que se estabeleceu como a sede das festas itinerantes que Tiga organizava e que se tornou numa referencia da vida noturna de Montreal.

Dois anos mais tarde fundou a sua própria editora, a Turbo Recordings, que, no início, servia para lançar as suas criações, mas que, em pouco tempo, se tornou num “lar” para vários artistas. A Turbo publicou mais de 20 álbuns, 2 compilaçõs e 12 vinis de 12 polegadas. Entre os lançamentos encontram-se “Soundtrack Saga”, de Peter Benisch, “To a Time of Asia”, de Christopher Handlebear, e “Mixed Emotions” e “American Gigolo”. do próprio Tiga.

Em 2001, o DJ foi para estúdio com o amigo e produtor finlandês Zyntherius, mais conhecido por Jori Hulkonnen. O resultado foi uma versão de ‘Sunglasses at Night’, um sucesso dos anos oitenta, do também canadiano Corey Hart. Esta versão tornou-se rapidamente um quebra recordes por todo o mundo. A partir de então, todos os artistas eletrónicos europeus que se agrupavam sob a ampla sombra do eletro queriam ter uma remistura do canadiano nos seus vinis. Assim, pelas mãos e ouvidos de Tiga passaram faixas de Martini Bros, Alpinestars, Linda Lamb, Crossover, FC, Kahuna, Cabaret Voltaire, Télépopmusik, Felix da Housecat, Fischerspooner, FPU, The Devils (Nick Rhodes) e Danni Minogue.

A fama de Tiga cresceu, acompanhando este panorama, e logo ele se tornou também no DJ que todos os clubes e festivais de eletrónica queriam ter. Assim, a sua agenda ficou totalmente ocupada. Em Espanha, por exemplo, puderam vê-lo no Sonar e FIB, entre outros. Em 2003, foi convidado para fazer uma sessão para a série DJ Kicks, do selo belga !K7. Além disso assinou uma versão de ‘Hot In Herre’, do rapper Nelly, que resultou noutro sucesso, licenciado pelo selo Skint, no Reino Unido, e pela Warner Music no resto do mundo.

Entre as suas colaborações, houve um pouco de tudo. Tiga deu voz ao tema ‘You (Better Let Me Love You x4) Tonight’, de Richard X, e a ‘Heartbreak/Ananda’, de Adam Beyer e Jesper Dahlback, e ‘Dancing Inside You’, de Rik Stamina. No campo das remisturas assinou ‘Come With Me’, de Alex Kidd, ‘Tv Treated’, de Neon Judgement, a versão dos Scissor Sisters para ‘Comfortably Numb’, clássico dos Pink Floyd, ‘Da Hype’, de Junior Jack e Robert Smith, ‘Shake Yer Dix’, de Peaches, e ‘E Talking’, dos belgas Soulwax.

Em 2004 publicou o single ‘Pleasure from The Bass’, um novo êxito, que aumentou a sua lista de remisturas por encomenda. Em 2005 remistura Depeche Mode, The Vests, Moby, LCD Soundsystem, Mylo, Phillippe Zdar, Chelonius Jones, Drama Society, Thomas Anderson e muitos mais. Durante uma entrevista, os New Order respondem sem hesitar que queriam ser remisturados «por Tiga».

Em Setembro de 2005, o DJ lança o single ‘You Gonna Want Me’, outro sucesso nas pistas de dança. Este dueto com Jake Shears, dos Scissor Sisters, serviu como aperitivo ao primeiro álbum de Tiga, "Sexor", que lançou no início de 2006. Seguiu-se “Ciao!”, em 2009.

O DJ já atuou várias vezes em Portugal. A última passagem por terras Lusas foi em 2013.